Páginas

Se não encontrou o que queria, procure aqui, mas volte logo.

Pesquisa personalizada
22 junho 2010
Seth Godin, não poderia ter dito nada melhor quando disse: "Nós gerenciamos nossas escolas como fábricas. Crianças em uma fila de linhas retas, separadas em grupos (chamados de classes), e trabalhamos duro para ter certeza de não existirem peças defeituosas. Ninguém se destacando, caindo para trás, correndo na frente, fazendo um Rukus (ruku - a posição em salat em que a pessoa se prostra na posição em pé com o corpo curvado para a frente na cintura e as mãos sobre os joelhos)".

Eu absolutamente amo, amo, amo esta citação! Agora, não me interpretem mal ... enquanto aprender o básico é importante, é também importante descobrir maneiras novas e criativas de fazer as mesmas velhas coisas. O caminho real para o sucesso é uma combinação de aprendizagem e de pensamento criativo ... e não agir conforme a norma.

Em seu livro, Purple Cow, a mensagem de Seth Godin é bastante simples: ser notável. A vaca roxa é algo contra-intuitivo, fenomenal e emocionante. Sua lição é colocar uma vaca roxa em seu modo de pensar o negócio, não importando se você estiver em marketing, produção ou vendas, de modo a atrair a atenção que você merece!

Se você sempre segue o manual, é hora de mudar a sua mente. A criatividade precisa ser cultivada, e é difícil fazê-lo em um ambiente saturado de uma politica "business-as-usual" (isso me irrita muito ...), com as interrupções de hábito como a chegada de e-mails e telefonemas. Para pôr-se em uma atitude que vai encorajá-lo a pensar fora da caixa, faça um esforço para sintonizar o mundo exterior. E, em vez de apenas fazer seu trabalho, pense um pouco sobre como você pode fazê-lo de forma diferente. Desta forma, você poderá mudar a sua organização, produto, ou serviço, de uma forma que ninguém nunca pensou antes.


Traduzido do site do Geoff Snyder em http://www.geoffsnyder.com/todays-students-grazing-like-cattle
21 junho 2010

Brincadeira com o comentarista Galvão Bueno mostra a força de mobilização dos brasileiros

"Cala a Boca, Galvão!" Esta frase está há uma mais de uma semana entre os tópicos mais comentados do mundo no Twitter. Após ser foco de notícias nos jornais "El País", espanhol, e no "The New York Times", americano, o episódio demonstra o poder de mobilização do povo brasileiro.

Tudo começou na abertura da Copa do Mundo, na África do Sul, e virou febre mundial. Para levar internautas estrangeiros a retuitarem, foram inventadas duas versões. Uma delas é que se trata de uma nova música da Lady Gaga e a segunda, diz que é uma campanha de proteção a uma ave rara em extinção, ironicamente parecida com um papagaio. Foi criado também um blog da "campanha". Veja abaixo um vídeo que está sendo divulgado pelo Youtube a respeito.




Os brasileiros poderiam passar a usar esta força para divulgar outros movimentos.

Por que não usar o Twitter para propagar ideias e conceitos que contribuissem para a melhoria das condições de vida no paí?
17 junho 2010
Presidência da República
Casa Civil
Subchefia para Assuntos Jurídicos

LEI No 10.836, DE 9 DE JANEIRO DE 2004.
Conversão da MPv nº 132, de 2003

Cria o Programa Bolsa Família e dá outras providências.

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA, Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

Art. 1o Fica criado, no âmbito da Presidência da República, o Programa Bolsa Família, destinado às ações de transferência de renda com condicionalidades.

Parágrafo único. O Programa de que trata o caput tem por finalidade a unificação dos procedimentos de gestão e execução das ações de transferência de renda do Governo Federal, especialmente: 
  • Programa Nacional de Renda Mínima vinculado à Educação - Bolsa Escola, insttuído pela Lei nº 10.219, de 11 de abril de 2001
  • Programa Nacional de Acesso à Alimentação - PNAA, criado pela Lei n o 10.689, de 13 de junho de 2003
  • Programa Nacional de Renda Mínima vinculada à Saúde - Bolsa Alimentação, instituído pela Medida Provisória n o 2.206-1, de 6 de setembro de 2001
  • Programa Auxílio-Gás, instituído pelo Decreto nº 4.102, de 24 de janeiro de 2002
  • e do Cadastramento Único do Governo Federal, instituído pelo Decreto nº 3.877, de 24 de julho de 2001.



Em verde os programas sociais do governo  do FHC e em vermelho o único programa criado no governo LULA. Fica provado por esta redação que ao contrario do que diz o Lula e a sua candidata Dilma, o Bolsa  Familia é na verdade a junção de prgoramas sociais já existentes com o programa Fome Zero em um único Programa que, de novo, mesmo, só tem o nome.

O pior é que uma mentira, dita à exaustão, acaba virando uma verdade. Ainda bem que está tudo documentado. Basta acessar o site do governo para ler a integra da lei 10.836


16 junho 2010
Um professor de economia na universidade Texas Tech disse que ele nunca reprovou um só aluno antes mas tinha, uma vez, reprovado uma classe inteira. Esta classe em particular tinha insistido que o socialismo realmente funcionava: ninguém seria pobre e ninguém seria rico, tudo seria igualitário e 'justo.'
O professor então disse, "Ok, vamos fazer um experimento socialista nesta classe. Ao invés de dinheiro, usaremos suas notas em testes."
Todas as notas seriam concedidas com base na média da classe, e portanto seriam 'justas.' Isso quis dizer que todos receberiam as mesmas notas, o que significou que ninguém repetiria. Isso também quis dizer, claro, que ninguém receberia um A...
Depois que a média das primeiras provas foram tiradas, todos receberam Bs. Quem estudou com dedicação ficou indignado, mas os alunos que não se esforçaram ficaram muito felizes com o resultado.
Quando o segundo teste foi aplicado, os preguiçosos estudaram ainda menos - eles esperavam tirar notas boas de qualquer forma. Aqueles que tinham estudado bastante no início resolveram que eles também se aproveitariam do trem da alegria das notas. Portanto, agindo contra suas tendências, eles copiaram os hábitos dos preguiçosos. Como um resultado, a segunda média dos testes foi D.
Ninguém gostou. Depois do terceiro teste, a média geral foi um F.
As notas não voltaram a patamares mais altos, mas as desavenças entre os alunos, buscas por culpados e palavrões passaram a fazer parte da atmosfera das aulas daquela classe. A busca por 'justiça' dos alunos tinha sido a principal causa das reclamações, inimizades e senso de injustiça que passaram a fazer parte daquela turma. No final das contas, ninguém queria mais estudar para beneficiar o resto da sala. Portanto, todos os alunos repetiram...
Para sua total surpresa.
O professor explicou que o experimento socialista tinha falhado porque ele foi baseado no menor esforço possível da parte de seus participantes. Preguiça e mágoas foram seu resultado. Sempre haveria fracasso na situação a partir da qual o experimento tinha começado.
"Quando a recompensa é grande", ele disse, "o esforço pelo sucesso é grande, pelo menos para alguns de nós.

"Mas quando o governo elimina todas as recompensas ao tirar coisas dos outros, sem seu consentimento, para dar a outros que não batalharam por elas, então o fracasso é inevitável."

************ ********* *****
O pensamento abaixo foi ESCRITO POR ADRIAN ROGERS NO ANO DE 1931 !!!
"É impossível levar o pobre à prosperidade através de legislações que punem os ricos pela prosperidade.
Por cada pessoa que recebe sem trabalhar, outra pessoa deve trabalhar sem receber.

O governo não pode dar para alguém aquilo que não tira de outro alguém.

Quando metade da população entende a idéia de que não precisa trabalhar, pois a outra metade da população irá sustentá-la, e quando esta outra metade entende que não vale mais a pena trabalhar para sustentar a primeira metade, então chegamos ao começo do fim de uma nação.

É impossível multiplicar riqueza dividindo-a. "

Adrian Rogers, 1931

O caso relatado abaixo exemplifica bem o que acontece quando o governo decide adotar programas de distribuição de renda sem exigir nada dos beneficiados por tais programas:

O zelador de 1 prédio em Natal/RN, pediu à administração do condomínio onde trabalhava que o demitissem.
Contou o motivo; tem dois cunhados desempregados, lá mesmo em Natal, e que, por conta da Bolsa Escola, Cartão Cidadão, Cartão Alimentação, Vale Gás, Transporte Gratuito, Vale-Refeição (acreditem - Vale-refeição) e demais benefícios do nosso governo, dadas a título de esmola, vivem melhor que ele.
Aí paramos e fomos fazer umas continhas:


1. Bolsa escola - R$ 175 para cada filho que freqüente as aulas
(suponhamos que sejam apenas dois) = R$ 350,00 (em dinheiro);

2. Cartão cidadão (cujo intuito é restituir a cidadania) = R$ 350,00
(em Dinheiro);

3. Vale gás (um por mês) = R$ 70,00;

4. Transporte (calculamos 4 passagens diárias, que é uma boa média) R$8,00/dia x 20 dias = R$ 160,00;

5. Vale refeição (um por dia) R$ 3,50/dia x 30 dias x 4 pessoas (ele a
Esposa e os dois filhos) = R$ 420,00;
Total em dinheiro - R$ 700,00
Total em serviços - R$ 650,00
Total mensal - R$ 1..350,00

Obs.1 : O salário do zelador acrescido de horas extras e tudo mais
girava em torno de R$ 830,00/mês.

Obs.2: Tudo isso é o estabelecido pela *LEI No 10.836, de 09 DE
JANEIRO DE 2004*.

Duvida, consulte:
http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2004-2006/2004/Lei/L10.836.htm

Como o zelador tem três filhos em idade escolar, para ele é vantajoso ficar desempregado e ter esses benefícios. Seu 'salário desemprego' irá girar em torno de R$ 1.525,00, quase o dobro do que ganha trabalhando.

Como diria o Boris Casoy (expurgado da TV por se opor ao Lula): 'ISTO É UMA VERGONHA!'.

Sabe quem paga por isso?

'NÓS', os 'OTÁRIOS' que damos um duro danado e passamos restrições que só nós sabemos...

Distribuir a renda, correto, mas isso é ESMOLA em exagero.

Ronaldo no Facebook

Visitem minha página no Facebook.

Quem sou eu

Minha foto
Ronaldo Nunes Siqueira Campos
Belo Horizonte, Minas Gerais, Brazil
---------------------------------------
Visualizar meu perfil completo

Arquivos

Seções

Parcerias
Ponto Perdido: Mistura de Assuntos Jogatina Online: Jogos em flash, shockwave, java e javascript para jogar direto no seu navegador
Cursos Online com certificados a partir de R$ 20